Algicida

Se a água da sua piscina está verde, com um cheiro ruim e o piso escorregadio, é provável que ela esteja repleta de algas. Mas, como limpá-la e deixá-la pronto para uso? Saiba que para resolver esse problema ou evitar que ele aconteça é bastante simples, tudo o que você precisa fazer é usar um algicida. Leia Mais

Contudo, você sabe o que é esse produto, como utilizá-lo e qual a sua função? Para te auxiliar, reunimos os principais pontos que vão te ajudar a entender o que são algicidas para piscina e quais são os seus benefícios. Boa leitura!

O que são algas?

Algas são microorganismos que, na em contato com água e luz solar, se desenvolvem de forma abundante. Há várias forma da sua piscina se contagiar com algas e, assim fazer a coloração ficar esverdeada, mas os principais meios são: pela chuva, vento ou roupa de banho dos usuários da piscina.

As algas se proliferam em algumas situações específicas, como alta temperatura da água, alto nível de pH e baixo nível de cloro cloro . Então, para evitar que sua piscina fique fedendo e com a água verde, é importante medir com frequência os parâmetros da água, como pH e cloro, além de fazer manutenções periódicas.

Tipos de algas

Ao todo existem mais de 20 mil tipos de alga no mundo, mas as que surgem nas piscinas são de 3 tipos diferentes, sendo elas: as algas verdes, algas amarelas e algas pretas, vamos conhecer mais um pouco sobre cada uma nos tópicos abaixo, confira:

Algas verdes

As algas verdes são as mais comuns de se proliferarem nas piscinas. Elas cobrem o fundo e as paredes da piscina, deixando tudo verde e escorregadio. As algas desse tipo se proliferam de maneira rápida, podendo deixar a água verde em menos de 24 horas. A sua eliminação é uma das mais fáceis, como detalharemos abaixo!

Algas amarelas

As do tipo amarelo estão presentes nas piscinas que não tem sol direto, por isso são mais difíceis de aparecer. Além disso, esse tipo de alga é mais demorado de ser combatido. A piscina contaminada apresenta tons amarelos ou castanhos.

Algas pretas

Já as algas pretas surgem como pequenas manchas no fundo da piscina fundo da piscina e, se não foram eliminadas de forma rápida, podem tomar o revestimento da piscina. Elas são bem difíceis de serem combatidas e precisam de uma atenção especial.

Como identificar as algas

As piscinas infestadas com algas apresentam algumas características, como: água turva e com mudança de cor, piso e paredes escorregadios e um odor ruim, parecido com o de lagoas e rios. As algas por si só não causam doenças, mas elas nutrem bactérias que podem ser nocivas aos banhistas.

Assim, para garantir uma piscina longe de algas é necessário alguns cuidados como a limpeza regular da piscina, medição e controle do pH e cloro, além da aplicação de algicidas.Veja abaixo como utilizá-los:

Algicida para piscina

Os algicidas são produtos químicos que ajudam no combate a algas. Geralmente, esse produto é feito a base de íons de cobre quelados, mas também pode ser produzido com sais de ferro, diclorofena, hipocloretos de sódio ou cálcio, brometos de alquibenzilamónio, acetato de fentina, quinoclamina, endotal, etc.

No mercado existem duas opções: o algicida de choque, que deve ser usado em piscinas que já tenham uma infestação de algas. E, o algicida de manutenção, que é usado na prevenção de algas nas piscinas.

Algicida de choque

Se a sua piscina já está infestada com algas, você deve usar o algicida de choque. Mas antes de usar o produto será necessário escovar a piscina, com uma equipamento próprio para isso, dessa forma, você estará soltando as algas que estiverem nas superfícies.

Na hora de aplicar o produto, você deve diluir em um balde o algicida com água, a quantidade usada deverá ser consultada na embalagem do produto. Depois disso, ligue a motobomba da piscina e ajuste o filtro na opção recircular, agora despeja o algicida na piscina.

Em seguida, deixe a água recircular por 2 horas, e depois desligue a motobomba, deixando a água parada entre 6 a 12 horas. Nesse período, as algas caíram para o fundo da piscina e depois é só aspirar a piscina, ligando na opção de drenar.

Algicida de manutenção

Caso sua piscina não apresente algas, você deverá usar semanalmente o algicida de manutenção, dessa forma evitará que a infestação por algas, e todos os sintomas disso.

Para aplicar o produto na piscina, dilua o algicida num balde com água, a quantidade estará indicada na embalagem do produto. Depois jogue o produto por toda a piscina piscina . Em seguida, ligue a motobomba e ajuste o filtro na função recircular. Depois de uma hora, desligue a motobomba.

Cuidados na aplicação do algicida

Os algicidas, de choque e de manutenção, são produtos químicos e por isso deve-se ter alguns cuidados durante a aplicação. Quando você for usar o algicida na piscina, evite o contato direto com a pele, olhos e boca.

Além disso, evite despejar o algicida sem diluição na piscina e sempre use algicida dentro do prazo de validade. Também é importante manter o produto em seu rótulo original, em local fresco e sem exposição ao sol.

Além disso, evite despejar o produto sem diluição na piscina e sempre use algicida dentro do prazo de validade. Também é importante manter o produto em sua embalagem original, em local fresco e sem exposição ao sol.

De forma alguma misture produtos químicos, como cloro e o algicida, pois pode causar reações químicas, que podem causar manchas irreversíveis na superfície da piscina. Também não é recomendado entrar na água enquanto ela estiver com as algas e a coloração verde.

Fechar

Algicidas

Produtos encontrados: 8 Resultado da Pesquisa por: 5 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Produtos encontrados: 8 Resultado da Pesquisa por: 5 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

= Voltar ao topo

A Cobasi e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no nosso site.
Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.